Dicas para organizar seu apartamento para o home office

Dicas para organizar seu apartamento para o home office

O home office veio ganhando espaço no mercado nos últimos anos e conquistando adeptos no mundo todo.

19 de fevereiro de 2021

O home office veio ganhando espaço no mercado nos últimos anos e conquistando adeptos no mundo todo. Com a chegada da pandemia do coronavírus, o que era uma tendência ganhou ainda mais fôlego e, hoje, empresários, autônomos, profissionais liberais ou mesmo colaboradores de empresas passaram a adotar esse formato de trabalho para o desenvolvimento das atividades cotidianamente.

Apesar desse movimento, nem todo mundo conseguiu se adaptar rapidamente às mudanças na rotina. Algumas pessoas conseguiram mais rápido que outras e, como parte disso, buscas na internet de como conseguir aproveitar melhor o tempo e ser produtivo dispararam.

Nesse artigo, nós vamos dar algumas dicas de como você pode organizar a sua casa ou seu apartamento para adaptá-lo ao home office.

Escolha um local fixo e reservado

Nada de ficar um dia na sala, um dia no quarto, um dia no escritório, etc. Reservar um local fixo na casa para ser o seu local de trabalho é o ideal. Isso porque vai te ajudar a criar uma rotina, o que é importante para desenvolver as atividades cotidianas sem distrações, com familiares transitando ou barulho de panelas. O ideal é elencar o local em que você poderá, por exemplo, fazer ligações ou chamadas de vídeo com privacidade e concentração.

Estabeleça horários de início, pausa e parada

Mesmo que você não tenha necessariamente horários fixos de início, pausa e término, é vantajoso que você busque estabelecê-los. Essa dica, tal como as outras, não são verdades universais que funcionam para todas as pessoas, mas a criação de uma rotina é vantajosa à maioria das pessoas, principalmente para aquelas que têm problemas com as adaptações. Dessa forma, é objetivamente mais fácil organizar o seu dia quando você consegue identificar quanto tempo você está trabalhando, almoçando e quanto tempo falta para encerrar as atividades do dia.

Evite o que te desconcentra

Ao passo que adotamos o trabalho em casa, esse tipo de mudança nas nossas rotinas acaba sendo acompanhado de mudanças de rotinas de nossos familiares também e, dessa forma, nada mais compreensível que queiram conversar, interromper, etc. Nestes casos, é importante conversar com os familiares sobre a importância da sua concentração enquanto você trabalha.

Além disso, celular, barulho de televisão e animais de estimação são outros fatores para nos desconcentrar. Se possível, mantenha no silencioso aparelhos eletrônicos que apitam, despertam ou emitem alertas a todo momento.

Atenção à ergonomia

Estar confortável é extremamente importante. Porém, o home office, combinado com o estilo de vida sedentário que a maioria dos brasileiros leva, é um perigo para a saúde da coluna e do corpo. A escolha dos móveis e da cadeira faz toda diferença. Fique atento à sua postura!

Explore iluminação natural e artificial

Outro fator é a iluminação do local. Forçar as vistas durante o trabalho pode abrir portas para o desenvolvimento de problemas futuros. Por isso, escolha uma luminária para os momentos em que a iluminação natural não for o suficiente. Entretanto, sempre que possível, evite gastar energia desnecessariamente e aproveite a luz do dia.

* * *

E, se essas condições do ambiente listadas acima são inacessíveis a você, aposte no co-working! Os edifícios da Max, construídos já de forma antenada às novas transformações e tendências do mercado de trabalho, possuem esse local inteiramente adaptado para quem trabalha em home. É o ambiente pensado para este tipo de situação, sobretudo para aqueles que, em casa, com a presença de crianças ou distrações, por exemplo, não conseguem se adaptar.

São os edifícios Max Enotria e Paulo Maldi 2, onde buscamos unificar conforto e tranquilidade no lar, com todas as garantias de desenvolvimento profissional, visto que diversas empresas de diferentes ramos do mercado já anunciaram que seguirão em home office.

* * * E aí, o que achou dessas dicas? Comente, compartilhe o conteúdo com seus colegas de trabalho e fique ligado nas nossas redes sociais para receber mais dicas!